SOLAMAC ESPAGNOL ENGLISH PORTUGUÊS
Imprimir

Biblioteca virtual  -  Tesis doctorales

Fidelidade de área, características de grupo e organização social de Tursiops truncatus (Cetacea, Delphinidae), no arquipélago das Cagarras, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
- Nombre: Liliane Lodi

- Título de la tesis doctoral: Fidelidade de área, características de grupo e organização social de Tursiops truncatus (Cetacea, Delphinidae), no arquipélago das Cagarras, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

- Institución: Universidade Federal Fluminense

- Director: Cassiano Monteiro-Neto

- Año de defensa: 2009

São reportados os resultados dos primeiros esforços de captura e recaptura do golfinho-flíper (Tursiops truncatus), através da técnica de videoidentificação, no Arquipélago das Cagarras (23°01´S; 43°12´W), Rio de Janeiro. Os objetivos deste trabalho foram descrever a ocorrência, fidelidade de área, tamanho e composição de grupo e relacionamentos fornecendo uma compreensão da dinâmica da organização social da espécie num ecossistema insular costeiro.  Entre agosto e novembro de 2004 e 2006 e agosto e outubro de 2007 e 2008, foram realizadas 42 expedições de campo, totalizando 10742 minutos de observação direta. Foram utilizadas 26 fitas digital vídeo cassete, perfazendo 1453 minutos (13,5%) de filmagem. Um total de 29 indivíduos foi catalogado.  Embora exista uma variabilidade do número de golfinhos identificados entre os anos, os indivíduos apresentaram altos índices de fidelidade, uma vez que 68,9% dos animais marcados foram considerados residentes em pelo menos um ano, sugerindo um padrão de fidelidade à área de estudo. O padrão de ocorrência interanual foi variável com apenas dois indivíduos registrados nos quatro anos. Esta população pode ser considerada como semirresidente ou residente sazonal, pois ocorre no arquipélago essencialmente no inverno e primavera. O tamanho dos grupos (n = 42) variou entre três e 30 indivíduos (média= 15,4 ± 6,6). Grupos com 20 ou menos indivíduos compreenderam 80,9% dos registros. Houve um alto número de indivíduos imaturos nos grupos em 2004, 2006 e 2007. Dados de associação (2006 a 2008) foram analisados utilizando o programa SOCPROG 2.4. Para a descrição da organização social o Índice de Peso Duplo foi aplicado para caracterizar os relacionamentos.  Golfinhos-flíper ocorrem numa sociedade de fusão-fissão, que consiste em subgrupos casuais de tamanho e composição variáveis, os quais se formam, quebram e se reformam em intervalos frequentes. Sociedade esta que é amplamente documentada para Tursiops, e parece corresponder particularmente ao balanceamento dos custos e benefícios da vida em grupo. Testes de permutação indicaram haver evidências de que as associações são aleatórias. Para determinar a estabilidade temporal dos relacionamentos foi utilizado a Lagged Association Rate. Os resultados obtidos reforçaram a inexistência de companhias preferidas e evitadas, o que é atípico para a espécie. Modelos teóricos de estabilidade temporal apropriados às estruturas sociais do tipo fusão-fissão foram testados pelo Critério de Informação Quasi Akaike. O modelo mais adequado foi o de companheiros casuais, uma importante característica dessa sociedade. Por ser adjacente a uma grande metrópole o Arquipélago das Cagarras trata-se de uma área de interesse conservacionista devido aos fortes indícios de degradação. O elevado número de imaturos nos grupos indica a importância do arquipélago como área de cria, socialização e aprendizado, o que reforça a necessidade da implementação de medidas de conservação, uma vez que esta área deve ser considerada como hábitat crítico para T. truncatus no sudeste do Brasil.


- E-mail: lilianelodi@gmail.com

<< Volver

especialistas

mamiferos

aquaticos

by