SOLAMAC ESPAGNOL ENGLISH PORTUGUÊS
Print

Virtual library  -  Monographs

Ocorrência e monitoramento de cetáceos na região de Arraial do Cabo - RJ / Brasil
- Name: Tatiana Fernandes

- Monograph title: Ocorrência e monitoramento de cetáceos na região de Arraial do Cabo - RJ / Brasil

- Institution: Universidade Federal do Rio de Janeiro

- Supervisor: MSc. Salvatore Siciliano

- Year of defense: Janeiro 2001

Arraial do Cabo é um dos pontos mais projetados em direção ao mar no sudeste do Brasil. Uma das características mais importantes dessa região é a alta produtividade primária de suas águas, proveniente do fenômeno da ressurgência. Entre junho e novembro de 2000 foi realizado um estudo com a finalidade de registrar a ocorrência e monitorar os cetáceos da região, através de avistagens a partir de ponto fixo e monitoramento de praia. A partir de ponto fixo foi registrada a presença das seguintes espécies de cetáceos: baleia-jubarte (Megaptera novaeangliae, n=49 grupos); baleia-de-Bryde (Balaenoptera edeni, n=6); baleia-franca-do-sul (Eubalaena australis, n=5); baleia-minke-Antártica (Balaenoptera bonaerensis, n=1); baleia-minke não identificada (n=2); golfinho-comum-de-bico-longo (Delphinus capensis, n=19); golfinho-nariz-de-garrafa (Tursiops truncatus, n=4); golfinho-pintado-do-Atlântico (Stenella frontalis, n=1); e orca (Orcinus orca, n=2). Durante os monitoramentos de praia foram coletados: esqueleto parcial de T. truncatus; vértebras torácicas de D. capensis; crânio e esqueleto de D. capensis; além de parte do dorso de um golfinho não identificado, presumivelmente consumido por predadores. Fica evidenciado que a região de Arraial do Cabo é área de passagem da baleia-jubarte durante sua migração, apresentando dois picos de passagem em direção ao norte. É uma área de alimentação em potencial para as baleias de barbatana devido à alta produtividade da região. Os golfinhos têm a região como área de forrageamento e, possivelmente, para cria de filhotes. Estudos futuros de foto-identificação, interação com embarcações, principalmente de turismo, e educação ambiental são de grande importância para melhor conhecer e proteger as espécies da região.

 

Este estudo foi financiado pela Redley Surf & Co. e American Cetacean Society. 



<< Return

especialistas

mamiferos

aquaticos

by